quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Técnica da hetero-hipnose projetiva


O que é técnica da hetero-hipnose projetiva?
É o procedimento pelo qual uma pessoa – o hipnotizador (a) – dotado de vigorosa força de vontade e certo psiquismo, ou magnetismo congênito (paragenético), influi sobre outra – o hipnotizado(a) – anulando a consciência e a vontade deste, e colocando-o em um estado psíquico peculiar, com transe ou não, que libera os seus poderes subconscientes, executando o hipnotizado(a), por fim, o que lhe sugere o hipnotizador(a) pela concentração sobre um pensamento, uma idéia, um local ou uma pessoa, inclusive podendo ocorrer, então, sugestões pós-hipnóticas.

Poderia falar um pouco da história da hipnose?
As pesquisas modernas da hipnose tiveram seu início no século XVIII, com o médico austríaco Franz Anton Mesmer (1734-1815). O pesquisador acreditava estar canalizando uma força magnética invisível ao hipnotizar seus pacientes, para curá-los.
Mesmer deu o próprio nome a esse fenômeno: mesmerismo.

Qual o critério deve ser usado na escolha do hiponólogo?
A fim de evitar perda de tempo na antecâmara dos fenômenos parapsíquicos, bem como esforços inúteis, tentativas frustradas e abordagens equivocadas, o hipnotizador (vivisseccionista moral) ideal para colaborar nas investigações participantes da Projeciologia, de modo geral, será sempre um hipnólogo-médico-projecionista (homem ou mulher).
Isso porque presume-se que este – homem ou mulher – já tendo experimentado, por si mesmo, de modo espontâneo ou voluntário, o fenômeno da projeção consciente, tenha também se convencido de que o estado consciêncial alterado da projeção consciente, tenha também se convencido de que o estado consciencial alterado da projeção consciente é, de fato, único e individualíssimo, e não simples condição consciencial sugerida, mera fabulação inconseqüente ou personificação mórbida.

Para quem é indicada a técnica?
A técnica da hetero-hipnose projetiva, ou da projeção consciente hipnótica, é a mesma da auto-hipnose projetiva, porém neste caso induzida por outrem, sendo indicada, tanto quanto aquela, apenas aos sujeitos sensíveis à hipnose profunda, ou que reúnam as condições especiais para isso.

A hipnose é induzida por meio da sugestão?
Sugestão é toda idéia despertada no cérebro humano e aceita por este. A sugestão é o processo pelo qual uma pessoa, sem discutir, dar ordens ou coagir, induz diretamente outra pessoa a atuar de certo modo ou aceitar certa opinião. A hipnose constitui um estado xenofrênico ou supranormal de hipersugestionabilidade, podendo ser provocada artificialmente por vários métodos.

Quais recuros são usados na hetero-sugestão?
Na hetero-sugestão são usados diferentes recursos coadjuvantes no sentido de intensificar o rapport entre o sensitivo(a) e o hipnotizador(a), notadamente estes 16:
01.  Aspiração de fumaças, vapores ou gases subterrâneos.
02.  Concentração do olhar em superfícies brilhantes e polidas.
03.  Emprego de odores.
04.  Excitações sensoriais auditivas ou visuais, fortes e bruscas (gongo), ou leves, prolongadas e repetidas.
05.  Fala monótona.
06.  Fixação do olhar em um ponto brilhante.
07.  Lâmpadas hipnóticas.
08.  Lâmpadas para relaxe.
09.  Melodias indutoras.
10.  Narcóticos.
11.  Passes magnéticos, com ou sem contatos.
12.  Retenção dos polegares.
13.  Sopro quente.
14.  Sons ritmados.
15.  Sugestões ou ordens verbais (hetero-sugestões).
16.  Toques em zonas ou pontos hipnógenos.

Apesar desta enumeração exemplificativa, é possível hipnotizar uma pessoa sem o uso de qualquer muleta ostensiva ou recurso externo, apenas mentalmente.

Quais os passos da técnica?
1.      Isolamento. Quando você estiver de estômago vazio, vá ao banheiro e atenda às suas necessidades fisiológicas. Isole-se, então, em um quarto fechado, junto com o hipnotizador(a), onde ambos não sejam perturbados enquanto estiverem desenvolvendo o experimento.
2.      Gravador. Podem ser acompanhados de uma terceira pessoa que tomará conta de um gravador que funcione silenciosamente.
3.      Roupas. Use roupas leves e folgadas, fique descalço ou apenas com meias.
4.      Predisposição. Sente-se em uma cadeira de braços, confortável, ou em uma poltrona, onde possa recostar a cabeça, e predisponha-se intimamente, com inteira confiança e passividade, à receptividade das sugestões a serem formuladas.
5.      Segunda. Depois de feita a sugestão hipnótica , o hipnotizador(a), em uma segunda etapa, estimulando a sua capacidade de se projetar, a projetabilidade – que todos nós, conscins, possuímos naturalmente – induz você à projeção consciente, ou seja, à saída da sua consciência do corpo humano através do psicossoma, e à sua indispensável rememoração posterior das experiências extrafísicas supervenientes, a partir de 1 dos 3 estados hipnóticos:
A.    A sonolência.
B.     A hipotaxia.
C.     O sonambulismo hipnótico.
6.      Local. Neste ponto, o hipnotizador induz a sua consciência a ir extrafisicamente a determinado local, o local-alvo, casa ou apartamento, lugar este, e seus habitantes, desconhecidos por você e também por ele, a fim de evitar qualquer interferência telepática no experimento.
7.      Paravivência. Ali, você verificará (paravivências) o que ocorre intra e extrafisicamente, as pessoas presentes e demais detalhes de interesse do ambiente e dos fatos, e se lembrará posteriormente dos acontecimentos presenciados ou dos quais haja participado.

O que pode ocorrer durante a sugestão pela hetero-hipnose?
Na indução da sugestão pela hetero-hipnose sobrevêm com freqüência 3 condições intraconscienciais:
1.      EV. O estado vibracional.
2.      Tredelemburg. A condição consciencial do Tredelemburg extrafísico.
3.      Clarividência. O fenômeno de clarividência viajora.

Quais as sensações podem ser sentidas?
Havendo maior sensibilidade energética de sua parte, na qualidade de pessoa predisponente à projeção consciente, você sentira perfeitamente as ondas de energia consciencial que fluem do hipnotizador(a) durante o processo do transe, potencializando, veiculando ou acompanhando as sugestões formuladas por ele.

Todos podem aplicar a técnica da hetero-hipnose projetiva?
Infelizmente, a técnica hipnótica não funciona de igual modo para todos os seres intrafísicos se projetarem com lucidez, pois somente pequeno percentual da população é capaz de alcançar suficiente profundidade do transe hipnótico.

Esta técnica pode causar dependência no hipnotizado(a)?
O hipnólogo(a) precisa insistir com os sensitivos(as) para que se esforcem no sentido de evoluírem extrafisicamente por si próprios, produzindo projeções conscienciais lúcidas magnas, inclusive por intermédio do mentalsoma sozinho, a partir da força inquebrantável da vontade pessoal.
O hipnologo(a) desempenha o papel de muleta parapsicofisiológica para o(a) clarividente viajor (dependente). Contudo, não deve continuar sendo sempre também muleta para o projetor(a) consciente parapsiquicamente lúcido ou auto-suficiente.

Fonte: Projeciologia pag. 453-455.

Um comentário:

  1. Movimento cai cai e repouso no espirito eles usa anestestesico inalatorio
    Jesus Cristo Esta Voltando!!!

    ResponderExcluir